13 anos de iPhone: confira a trajetória desse ícone moderno e aparelho que revolucionou o mercado

Já faz 13 anos que a Apple lançou o primeiro modelo do iPhone. A empresa revolucionou o mercado e até hoje dita tendências. Conheça essa trajetória.

Publicado em: , por Lucas Eliel

13 anos do lançamento do iPhone. IPhone 2g 2007

Parece que foi ontem, mas já faz 13 anos que a Apple lançou o primeiro modelo do iPhone. A empresa de Steve Jobs revolucionou o mercado de smartphones e ditou tendências copiadas por seus principais concorrentes. Por tudo isso, ainda hoje, cada lançamento é aguardado com muitas expectativas pelos consumidores.

Agora, vamos conferir a evolução desta que é a linha de smartphones mais famosa do mundo e entender como ela revolucionou a indústria dos celulares inteligentes.

iPhone (2007)

O primeiro modelo foi lançado oficialmente no dia 9 de janeiro de 2007 em uma palestra na Macworld Conference & Expo, feira oficial da Apple, que acontece anualmente na cidade de San Francisco.

Se, por um lado, Steve Jobs estava confiante — afirmando, inclusive, que eles estavam “reinventando o telefone” com o lançamento —, por outro, o produto acabou não sendo uma unanimidade de crítica em um primeiro momento.

Com 3,5 polegadas — pequeno, se comparado aos atuais smartphones —, o primeiro iPhone foi considerado “grande demais” em um mercado onde a tendência era a produção de celulares cada vez menores.

Mas não demorou muito para que o aparelho caísse nas graças dos consumidores. O primogênito da linha, sucesso de vendas, revolucionou com seu teclado virtual fácil de usar, sua disposição de aplicativos que até hoje influencia os novos modelos, além de ter sido o primeiro smartphone a realmente popularizar a tela sensível ao toque.

iPhone 3G (2008) e 3GS (2009)

Com a febre que se tornou a linha de smartphones, o iPhone 3G já era muito aguardado pelo público.

Lançado em 2008, o modelo trouxe uma grande sacada: a adição da App Store, sendo o primeiro smartphone a possuir uma loja interna que permitia que qualquer desenvolvedor disponibilizasse seu próprio aplicativo para venda — desde que seguindo os padrões de qualidade nada baixos da empresa de Steve Jobs.

Além do mais, o modelo adicionou funcionalidades importantes que seu antecessor não possuía, como 3G e GPS.

Em 2009, foi a vez do lançamento de seu upgrade. Se, por um lado, o iPhone 3GS deixou o aparelho mais potente em relação ao seu antecessor, por outro não trouxe tantas inovações, característica comum a todos os modelos Apple que possuem a letra S em seu nome.

Esse também foi o ano em que um dos principais concorrentes da Apple entrou no mercado: a Samsung, com sua linha Galaxy.

iPhone 4 (2010) e 4S (2011)

Entre 2010 e 2011, os modelos iPhone 4 e 4S reinaram. Como grande inovação, a dupla trouxe a inclusão da câmera frontal.

Além disso, os dispositivos iPhone 4 e 4S foram os primeiros modelos a substituir o design mais arredondado pelo de bordas retas, que até hoje dita tendência nos últimos modelos.

iPhone 5 (2012), 5C e 5S (2013)

Tela maior, chegando a 4 polegadas, mais fino e design ainda elegante; essas são as principais características do iPhone 5, 5C e 5S.

Grande sucesso de vendas, em 2012 o lançamento causou filas nos 22 países onde foi vendido de forma simultânea. Foram 5 milhões de aparelhos adquiridos só nos primeiros dias.

Já em 2013, a Apple inovou ao lançar dois modelos em um mesmo ano. Foi a primeira vez que isso aconteceu: segundo a empresa, com o objetivo de dar duas opções ao consumidor. Agora, também era possível adquirir um iPhone acessível e outro mais potente.

iPhone 6 e 6 Plus (2014) e Iphone 6S e 6S Plus (2015)

Para o iPhone 6 e 6 Plus, 2014 chegou com telas ainda maiores (4,7 e 5,5 polegadas, respectivamente), processador melhorado, novas lentes de câmeras e design diferenciado.

Já as atualizações dos dois modelos vieram no ano seguinte, 2015, com a introdução da tecnologia 3D touch, e uma carcaça mais reforçada. Assim, foi possível solucionar o problema de seus antecessores, que entortavam com uma certa frequência.

iPhone SE (2016)

Por fora, é um iPhone 5. Por dentro, um iPhone 6S. A câmera frontal, do iPhone 6. Você já sabe de qual aparelho estamos falando?

Isso mesmo, do iPhone SE. Lançado em 2016, esse “ctrl+C ctrl+V” da Apple teve  uma importante inovação: o seu preço mais acessível, custando abaixo dos antecessores;  “somente” U$ 399,00.

iPhone 7 e 7 Plus (2016)

Ainda em 2016, foram lançados os modelos 7 e 7 Plus, com bateria e processador melhorados, resistência à água, antenas de sinal e mudança na posição das câmeras.

Mas, nem tudo foi perfeito: os aparelhos não contaram com entradas convencionais de 3,5 milímetros para fones de ouvidos, o que rendeu duras críticas à Apple.

iPhone 8 e 8 Plus (2017)

O ano de 2017 trouxe uma dupla de peso. Os iPhones 8 e 8 Plus foram os primeiros dispositivos que puderam ser carregados sem fio.

Também vale destacar que estes gadgets trouxeram vidro na parte traseira e um processador extremamente potente para a época.

iPhone X (2017) e XR, XS e XS Max (2018)

Comemorando os 10 anos da linha de smartphones, o iPhone X foi lançado ainda em 2017, mesmo ano dos modelos 8 e 8 Plus.

Já o iPhone XR — com visual arrojado, quase sem bordas, painel de LED e interface diferenciada —, foi lançado em 2018. Esse celular possui bordas mais robustas que seu antecessor, além de tela de 6,1 polegadas.

Os modelos XS e XS Max, por sua vez, como todos os que possuem a letra “S” no nome, são atualizações mais potentes de seu antecessor.

iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro MAX (2019)

O ano de 2019 trouxe os iPhones 11, 11 Pro e 11 Pro MAX em uma nova (e bem recebida) paleta de cores.

Além da revolução no visual, os modelos apresentaram uma mudança na câmera traseira, bateria com maior durabilidade e um processador capaz de realizar (surpreendentes) um trilhão de operações por segundo.

iPhone SE 2 (2020)

Enfim, chegamos a 2020 e ao último modelo iPhone lançado até o momento, o iPhone SE 2.

O aparelho trouxe de volta um anseio antigo da Apple: oferecer um iPhone mais acessível que os antecessores. Assim, o iPhone SE é menor (extremamente parecido com o iPhone 8), leve e compacto, podendo ser vendido nos EUA por preços a partir de U$ 399,00.

Números Finais

A Apple é uma das empresas mais valiosas do mundo. Se antes do iPhone chegar ao mercado isso já era uma realidade, a revolução ocasionada com a chegada da linha de smartphones conseguiu alavancar ainda mais o seu valor.

A Apple conseguiu se firmar como uma marca pop (apesar de seus preços quase nunca populares), seus lançamentos são acompanhados por pessoas do mundo todo e suas inovações copiadas pelos concorrentes. São quase 2 bilhões de celulares vendidos ao longo desses 13 anos.

Apesar de não ser mais a empresa líder de vendas, e da chegada de diversos concorrentes — grande parte vindos da China —, a linha iPhone se mantém uma das mais aclamadas do mundo dos celulares; muito disso se deve ao fato de que a empresa nunca teve medo de inovar, ainda que, em um momento ou outro, suas tentativas de inovação receberam críticas negativas do público.

E aí, o que você achou desta retrospectiva dos 13 anos do iPhone? Se você está procurando comprar um iPhone mais novo que o seu sem gastar muito, acesse o site da iCaiu Store e compre iPhones seminovos em perfeitas condições e com garantia de 6 meses.

Mais Notícias

Todos os posts carregados