5 vezes que a Apple perdeu a mão

Do iPod custando uma barra de ouro aos apps desnecessários: não dá pra acertar sempre […]

Publicado em: , por Bia Lemos

Do iPod custando uma barra de ouro aos apps desnecessários: não dá pra acertar sempre

AApple nasceu há quase 50 anos e tem, desde os primórdios, um DNA inovador que guia todos os seus lançamentos. Mas, mesmo assim, a californiana já deu alguns foras com produtos e ferramentas inúteis e, principalmente, com preços exorbitantes. No artigo de hoje, vamos relembrar alguns destes episódios.

Acessório com preço de iPhone

A Apple voltou a se aventurar recentemente no ramo de monitores profissionais e lançou o novo Pro Display XDR, um suporte para tela vendida separadamente. Até aí, nada demais. O acessório permite que o usuário incline, levante ou abaixe a tela. O problema é que o brinquedinho chegou ao mercado por R$3.800, ou seja, custando mais que o iPhone X! É óbvio que os usuários e clientes da maçã criticaram e muito o valor cobrado pelo suporte, né?

App Contatos

É tão inútil que com certeza você nunca usou. Isso porque você pode acessar sua agenda direto no ícone “telefone” na tela inicial, então, qual o sentido de um app cujo a única função já é desempenhada por outro? Quem sabe um dia a Apple retira o app em uma das atualizações do iOS? Não fará falta.

iPod Hi-Fi caríssimo

Quando o salário mínimo do brasileiro era pouco mais de R$ 300, a Apple lançou, em 2006, o iPod Hi-Fi por aproximadamente R$1.400, convertendo para os dias atuais. Naquela época, a californiana apostava todas as fichas no aparelho, portanto, era natural que ele custasse uma pequena fortuna. Mas há 15 anos era praticamente impossível alguém desembolsar tanto dinheiro em um único device. O aparelho competiu com outros mais baratos e logo foi descontinuado.

Notificações via AirPods

Esqueça o uso de fones, especialmente com fios, apenas para ouvir músicas. A Apple apresentou em sua conferência anual para desenvolvedores, a WWDC, uma nova função que deve ser implementada nos AirPodscom a chegada do iOS 15, em setembro: o envio de notificações via Siri no seu fone de ouvido. Isso mesmo! Além do Apple Watch e do iPhone vibrarem, você também pode receber uma notificação sonora pelo fone de ouvido wireless da maçã. Você consegue imaginar qual a utilidade dessa função a não ser levar sustos?

Atenção plena

Já encontrou ferramentas para te ajudar a se concentrar? No WatchOS8, o antigo app Respirar passou a se chamar Mindfulness e tem como objetivo,segundo a maçã, auxiliar os usuários na busca pela plenitude. O mais estranho é que o app emite alertas no relógio inteligente para lembrar que é hora de respirar pausadamente, desacelerar… A intenção pode ter sido a melhor, mas esse tipo de cobrança pode potencializar gatilhos para aqueles que já sofrem com ansiedade e depressão, por exemplo, o que faz com que a utilidade da ferramenta seja questionada, afinal de contas, você não está relaxando se está fazendo isso sob pressão. E aí, concorda com a nossa lista? O que mais você acrescentaria?

Mais Notícias

Todos os posts carregados