Seguro para iPhone: Aprenda a escolher a melhor opção

Há muitas modalidades no mercado, mas nem todas cabem no seu bolso e se encaixam na sua rotina

Publicado em: , por icaiu

Imprevistos acontecem, e para esse tipo de situação inusitada, mas não impossível, é bom ter uma carta na manga. Já pensou o que você faria se roubassem o iPhone que você parcelou em dezenas de vezes? Uma experiência como essa não é nada agradável, especialmente se você não tem seguro e sai no prejuízo duas vezes: vai ter que quitar a dívida, mesmo sem o aparelho, e comprar outro. 

Mas vale mesmo a pena? Compensa? Bom, se você adquiriu um novo smartphone e está com uma pulga atrás da orelha, leia neste texto as vantagens e os principais pontos a serem analisados antes de contratar um serviço.

Como funciona?

A primeira coisa que você precisa entender é que, ao contrário de seguros para outros bens, o de aparelhos celulares não é permanente, pois a obsolescência programada, responsável por desvalorizar o celular, é um ponto negativo muito levado em conta pelas seguradoras.  A maioria oferece cobertura apenas para smartphones com um ano de uso. O serviço pode variar e chegar a dois anos, dependendo da marca e do modelo.

Se você precisar acionar a seguradora, ela iniciará um processo rigoroso para ter certeza de que não é uma tentativa de fraude. Depois da burocracia, você é ressarcido com o valor que consta na nota fiscal, descontando a depreciação, ou com um novo celular, dependendo do serviço contratado. 

O que o seguro cobre?

Em linhas gerais, as seguradoras costumam te reembolsar nestes casos:

  • Furto ou roubo: O contratante deve acionar o sinistro com a nota fiscal e o boletim de ocorrência em mãos.
  • Danos acidentais: Rachou o display? Quebrou o botão? O seguro te ajuda a resolver.
  • Danos elétricos: Se você passa a noite com o celular na tomada, por exemplo, está mais suscetível aos danos causados por curto-circuito. Se isso acontecer, você pode acionar o seguro.
  • Oxidação: Esse dano é mais comum do que do que você pode imaginar. É causado, na maioria das vezes, por derramamento de líquidos, que corroem os componentes do aparelho, mas também pode ser desencadeado por exposição à maresia ou ao vapor.

Como escolher o serviço ideal?

O serviço ideal é o que atende suas expectativas. Se você pouco sai de casa, não há necessidade de contratar um plano com uma cobertura muito abrangente, pois as chances de algo acontecer com o aparelho, são menores. Ainda assim, é bom analisar todos os pontos antes de assinar a papelada. Elencamos abaixo os principais a serem levados em consideração:

1 – Verifique a cobertura

Há muitas seguradoras e diversas modalidades, nem todas cobrem os danos citados acima, os mais básicos são limitados à cobertura de roubo e furto. Para escolher o que melhor se encaixa no seu bolso e na sua rotina, é preciso analisar cláusula por cláusula e fazer uma lista do que para você é imprescindível. Por exemplo, talvez não seja interessante a cobertura por oxidação, e sim a de danos elétricos. 

2- Pesquise 

Dedique algumas horas para pesquisar seguradoras e suas reputações em site como o Reclame Aqui, que possui até um ranking com as empresas que mais dão dor de cabeça aos usuários. Essa etapa pode evitar grandes aborrecimentos. Cheque se a empresa em questão é fiscalizada pela Susep, Superintendência de Seguros Privados.

3 – Custo x Benefício

É imprescindível documentar cada proposta, modalidade e cláusula, tome nota! Fazendo isso, você saberá se compensa ou não fazer mais uma dívida. Inclua nesta lista a proposta da sua operadora celular, muitas delas oferecem esse serviço.

5 – Ressarcimento

Não dê um tiro no escuro, leia o contrato com atenção redobrada nas cláusulas sobre indenização. Avalie qual a melhor opção para você: outro aparelho ou uma parte do valor pago.

Outras opções

Se mesmo depois de analisar esses pontos, você ainda acha que um seguro não cabe no seu bolso ou que não compensa, você pode se precaver de outras formas. De todos os danos citados acima, a quebra no display é o mais comum. 

Se essa for sua maior preocupação, você pode investir em uma boa película para proteger a tela do seu iPhone. A iCaiu oferece até garantia estendida na compra desse acessório. 

Mas se o pior acontecer, fique tranquilo, as assistências técnicas especializadas te ajudam a recuperar o aparelho por um preço que você pode pagar.  Clique aqui para agendar seu atendimento.

Agora que você conhece as comodidades oferecidas pelos seguros, vale a pena analisar essa alternativa e curtir seu aparelho sem medo! 

Mais Notícias

Todos os posts carregados