Vale a pena investir no Apple Watch Series 6?

O smartwatch da maçã ganhou alguns incrementos, mas nada muito diferente das funcionalidades de seu […]

Publicado em: , por Bia Lemos

O smartwatch da maçã ganhou alguns incrementos, mas nada muito diferente das funcionalidades de seu antecessor

O Apple Watch Series 6 é o smartwatch mais recente da maçã. Com preços a partir de R$5.299, essa é a linha mais colorida da Apple: há opções em azul, vermelho, cinza e prata, em diversos materiais, como titânio, aço inoxidável e alumínio 100% reciclado. O modelo também traz algumas novidades em relação à geração anterior. Mas…será que vale a pena? neste artigo vamos listar os principais destaques deste modelo e te ajudar a decidir!

Sensor de oxigênio no Sangue

É isso mesmo, o Apple Watch Series 6, calcula o nível de oxigênio no sangue. Essa função é ainda mais útil em tempos de pandemia, pois esse índice costuma cair em pacientes com Covid-19.  O dado fornecido pelo smartwatch da Apple também mostra como o elemento está sendo distribuído pelo corpo e faz leituras em segundo plano dia e noite.

Para fazer a medição, o sensor é equipado com quatro conjuntos de LED e quatro fotodiodos, de acordo com a Apple. O conjunto fica acoplado à parte de trás do relógio (feita de cristal e completamente redesenhada) e trabalha em sintonia com o app Oxigênio no Sangue para mostrar ao usuário seu nível de oxigenação.

Essa é, sem dúvida, a função mais interessante, até porque, muitas pessoas adquirem o smartwatches para ajudar no monitoramento da saúde.

Tela Sempre Ativa

Graças à tela Retina Sempre Ativa, você não perde um segundo do monitoramento e nem precisa diminuir o ritmo para acompanhar os registros. Independente do movimento do pulso, a tela não fica em modo de descanso, ou seja, não apaga! Além disso, o display ficou ainda mais intenso e 2,5 vezes mais brilhante ao ar livre quando o pulso está em repouso. Com essa tecnologia, o Apple Watch está sempre pronto para fornecer os dados da sua corrida matinal sem te fazer perder o ritmo.

Confira abaixo a lista técnica:

Funcionali­dades

  • GPS/GNSS
  • Bússola
  • Altímetro sempre ativo
  • Resistente à água (até 50 metros)
  • Sensor de oxigênio no sangue
    (app Oxigénio no sangue)
  • Sensor de ritmo cardíaco elétrico
    (app ECG)
  • Sensor de ritmo cardíaco ótico de 2.ª geração
  • SOS de emergência
  • Acelerómetro
    até forças de 32 G com deteção de queda
  • Giroscópio
  • Sensor de luz ambiente
  • Altifa­lante
  • Microfone
  • Apple Pay
  • GymKit
  • 32 GB de capacidade
  • Parte traseira em cerâmica e cristal de safira

Ecrã

  • 44 mm
    368×448 píxeis
    Área de visualização de 977 mm2
  • 40 mm
    324×394 píxeis
    Área de visualização de 759 mm2
  • Ecrã Retina OLED LTPO Sempre ligado
    1000 nits de brilho

Processador

  • Processador S6 SiP dual‑core de 64 bits
  • W3
    Processador sem fios Apple
  • Processador U1
    (Ultra banda larga)

Ligações

  • Wi‑Fi
    802.11b/g/n 2,4 GHz e 5 GHz
  • Bluetooth 5.0

Alimentação

  • Bateria de iões de lítio integrada e recarregável
    Até 18 horas5
  • Cabo de carregamento magnético

Conclusão

O último modelo lançado pela Apple também recebeu um upgrade no processador, trata-se do processador S6 SiP dual‑core de 64 bits, que promete entregar aos usuários mais agilidade.

De fato, o smartwatch é uma versão melhorada da geração anterior, mas com pouquíssimos incrementos, sendo até difícil justificar um novo investimento. Estamos na torcida para que o series 7 nos surpreenda mais que o Series 6.

Mais Notícias

Todos os posts carregados